Copy

FENACERCI NEWSLETTER

Nº 7 - Setembro 2015
Veja este email no seu browser
 Fotografia CERCILISBOA

EDUCAÇÃO ESPECIAL: Organizações Contestam Ministério da Educação sobre opções tomadas relativamente aos Centros de Recursos para a Inclusão

As organizações representadas na Comissão de Acompanhamento dos Centros de Recursos para a Inclusão, reunidas a 15 de setembro em Lisboa decidiram tornar público o seu protesto e preocupação relativamente às opções tomadas pelo Ministério da Educação em matéria de apoios educativos à revelia das decisões assumidas conjuntamente em sede da referida Comissão.
Entendem as organizações que o modelo minimalista proposto pelo Ministério da Educação que preconiza apoios de 30 minutos, técnicos que têm de prestar apoios a mais de 70 crianças, que não prevê apoios às famílias ou o pagamento de custos logísticos nomeadamente com transportes, é claramente atentatório dos direitos das crianças e das famílias e coloca seriamente em causa a qualidade e a sustentabilidade da ação desenvolvida.
As Organizações tinham legítimas expetativas relativamente a mudanças que melhorassem as condições de funcionamento dos apoios no ano letivo que agora inicia, tendo em conta os resultados de um estudo de avaliação externa encomendado pelo Ministério e as orientações que a partir desse estudo foram assumidas por este e pelas organizações em sede da Comissão. No entanto, e após divulgação das aprovações, constatou-se que nada mudou a não ser para pior.
As organizações que tem investido na melhoria da ação, sentem-se por isso, defraudadas e, sobretudo, pouco respeitadas pelo Ministério da Educação.
O que pode estar em causa é a própria escola inclusiva, com a disponibilização de apoios que são manifestamente insuficientes, quer do ponto de vista da duração, quer da abrangência. As famílias têm fundadas razões para estarem preocupadas.
Em função desta situação, as organizações signatárias autosuspenderam a sua participação na Comissão de Acompanhamento dos CRI´s até que em reunião com o Sr. Secretário de Estado sejam clarificadas as opções do Ministério da Educação relativamente a estes Centros e ao seu modelo de funcionamento e financiamento.  
Esta decisão foi já comunicada ao Ministério da Educação e as Organizações irão promover um Encontro com Técnicos e Famílias já nos próximos dias em Lisboa, para discutir outras ações a desevolver.
Não podemos continuar a fazer de conta em matérias que tem a ver com o futuro das crianças com deficiência. Em nome de uma escola verdadeiramente Inclusiva!



Fotografia CERCILISBOA

FENACERCI: Certificação com Distinção!

A FENACERCI assume a Qualidade como prioridade estratégica, no quadro e princípios da Economia Social, procurando responder continuamente às expectativas dos seus clientes com produtos e serviços de elevada qualidade, assegurando o rigor, ética e o profissionalismo dos seus colaboradores e reafirmando o seu posicionamento socialmente responsável tanto a nível interno como externo, sempre numa perspectiva de melhoria contínua. Assim, a Federação no âmbito do Sistema de Qualidade da Norma ISO: 9001-2008, e após auditoria interna e externa, esta última, realizada no passado dia 11 de setembro, vê confirmado o seu investimento ao nível da melhoria dos processos que integram a sua política de Qualidade, sem registo de quaisquer não conformidades. 
Temos em crer que o resultado alcançado, suportado no empenho de todos (Dirigentes e Colaboradores), constitui portanto, uma mais valia não só para os serviços que prestamos como para as organizações que representamos!

I Congresso Iberoamericano sobre Cooperação, Investigação e Deficiência

A FENACERCI vai participar no I Congresso Iberoamericano sobre Cooperação, Investigação e Deficiência, a realizar  nos dias 24 e 25 de Setembro, em Mérida-Guadalupe. Este Congresso procura a partir do intercâmbio de experiências e conhecimento nas áreas da cooperação, investigação e incapacidade, constituir-se como uma referência que junta representantes do Terceiro Setor , nomeadamente a trabalhar na área da Deficiência Intelectual que visa:
1. Contribuir para a melhoria da qualidade de vida das pessoas com deficiência intelectual, fortalecendo o trabalho em rede entre equipas de docentes e investigadores das Universidades Iberoamericanas; 
2. Promover o apoio a pessoas com deficiência de acordo ao estipulado na Convenção Internacional sobre os Direitos desta população por via da criação de redes e plataformas de encontro, coordenação e diálogo com os diferentes governos e administrações públicas;
3. Incentivar a  melhoria da saúde, a promoção da autonomia pessoal como garantia de uma vida melhor começando logo com a intervenção precoce na infância, a autorrepresentação como ferramenta de enpoderamento e capacitação destas pessoas para o exercício da sua autonomia pessoal;
4. Fomentar a inclusão e educação, a investigação de novos meios científicos no campo da genética, farmacologia e intervenção terapêutica  que podem representar uma mudança significativa ao nível da melhoria da qualidade de vida das pessoas com deficiência.
Este  Congresso terminará com a aprovação da Declaração da Extremadura, de princípios, políticas e práticas para a melhoria da qualidade de vida das pessoas com deficiência e suas famílias. Representando um marco de ação, este documento, inspira-se nos princípios e direitos consagrados na Convenção Internacional sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência, aprovada pelas Nações Unidas a 13 de Dezembro de  2006.
Saiba mais em: http://institutoiberoamericanodi.com ou em www.fenacerci.pt

Jornadas Náuticas - Canoagem
Montemor-o-Velho - 28 a 30 setembro de 2015


 

Nos próximos dias 28 a 30 de setembro, a FENACERCI irá promover no Centro de Alto Rendimento de Montemor-o-Velho, uma ação denominada “Jornadas Náuticas - Canoagem” em parceria com a Federação Portuguesa de Canoagem, Município de Montemor-o-Velho e o Clube Atlético do Montijo.
Com esta ação pretendemos potenciar lógicas de +Capacitação e de +Inclusão, criando mecanismos e práticas de participação efetiva num programa de formação/ação que recorre às atividades náuticas como ferramenta de intervenção para a aquisição de conhecimentos/competências, utilizando o meio aquático como instrumento de intervenção promotor da capacitação, da inclusão social, da integração e da igualdade de oportunidades.

Para visualizar o Programa provisório da ação e fazer o download da ficha de inscrição vá a www.fenacerci.pt

Aposte na sua formação!
Inscreva-se nas ações que integram o Plano de Formação da FENACERCI 2015!

O Núcleo de Formação e Qualificação da FENACERCI divulga o Plano de Formação Externa para o período de setembro a dezembro de 2015, o qual inclui dois cursos de formação:
a) Curso de Gestão de Organizações sem fins lucrativos - 56 horas;
b) Curso de Formação na área da intervenção e reabilitação de pessoas com deficiência intelectual - 40 horas.

Os cursos irão decorrer nas instalações formativas da FENACERCI, sediadas em Lisboa e são dirigidos a todos/as os/as profissionais que trabalham na área da economia social, deficiência e reabilitação.

Por favor tenha em atenção que o prazo de inscrição, mediante o preenchimento da respetiva ficha, termina no próximo dia 17 de setembro de 2015.

Para mais informações e para aceder à ficha de Inscrição vá a www.fenacerci.pt

Facebook
Facebook
Twitter
Twitter
Website
Website
Email
Email
Copyright © 2015 FENACERCI, All rights reserved.
Fenacerci | Rua Augusto Macedo 2 A | 1600-794 Lisboa | Portugal
Tel. (+351) 21 711 25 80 | Fax. (+351) 21 711 25 81
E-mail : fenacerci@fenacerci.pt

unsubscribe from this list    update subscription preferences