Copy
Bom dia :)

Neste sábado fui a uma feira de quadrinistas independentes LGBT junto com um dos participantes do Círculo do Ninho de Escritores aqui em São Paulo. Mais tarde, já em casa, recebi a seguinte mensagem:

Eu usei o que eu aprendi no Ninho lá
Porque eu fiz um desenho para um dos artistas que estavam lá
E a todo momento eu tava pensando em que desculpas eu ia dar
Porque era só um sketch, eu queria fazer algo mais elaborado, não pensei em fazer antes
Aí eu cheguei, lembrei do Ninho e falei "Vou chegar lá, entregar, dizer que fiz porque eu queria a homenagear ele e é isso ai"


Esse foi um ato de coragem. Mesmo com receio de não oferecer algo perfeito ou à altura da admiração que sentia, ele foi lá e fez. Se vulnerabilizou. 

Esse é o tipo de ato que precisamos na hora de escrever um texto que se conecte com outras pessoas. Um ato de coragem, um olhar mais honesto pra dentro, um pedido de apoio.

É também um ato de coragem decidir escrever. Sentar para escrever. Realmente escreve. Depois mostrar para o mundo. Cada um desses atos exige um pouquinho de nós e diz muito do que estamos fazendo no mundo. E não precisa nem ser algo muito grande, pode ser pequeninho, mesmo. Dizer um "eu te admiro", escrever um parágrafo, publicar um texto. No fim das contas, o que importa é a soma desses atos, não um só ato isolado.

Qual será seu próximo ato de coragem?
Descobri recentemente uma newsletter maravilhosa: chicas & dicas, com uma mensagem toda sexta-feira partilhando ideias, provocações, receitas, indicações e tal para quem quer curtir o final de semana em casa. É escrito de e para mulheres e mesmo assim estou lendo e curtindo já há algumas semanas. Recomendo a assinatura porque é conteúdo bacana, divertido e inteligente.

Apoie o Ninho

Manter o Ninho de Escritores funcionando custa cerca de R$ 900 por mês, entre aluguel de espaço físico para os encontros presenciais em São Paulo e toda a estrutura online de site, e-mail e marketing. Atualmente, o Ninho recebe R$ 430 (menos taxas) por mês de apoios vindos de 13 lindas pessoas: Celso Fernando dos Santos, Cesar Sinicio, Clayson de Almeida, Dea Caldas, Fabiano de Jesus, Graciela Kushihara, Janaína Tais da Silva, José Alfredo Duarte, José dos Anjos, Paola Mariz, Patrícia Gameiro, Sonia Mercedes e Vinicius Odassi.

Quer ajuda o Ninho a continuar desbloqueando a escrita de cada vez mais pessoas? Então acesse nossa campanha de financiamento coletivo recorrente no Apoia-se e contribua. Qualquer valor que você nos oferecer já será um belo apoio para chegarmos mais perto da sustentabilidade financeira!
Quer conversar comigo, com o Ninho, saber mais dos nossos projetos? Acesse nosso site ou responda a este e-mail e vamos conversar! O Ninho de Escritores é sobre seres humanos, então não deixe de se conectar conosco se quiser curar sua relação com a escrita!

Abraços,

Tales
Copyright © 2019 Ninho de Escritores, All rights reserved.


Want to change how you receive these emails?
You can update your preferences or unsubscribe from this list.